domingo, 29 de maio de 2022

Simpósio Goiano de Avicultura encerra hoje o desconto nas inscrições

Com vagas limitadas pelo protocolo sanitário, evento tem inscrições quase esgotadas

Termina hoje, dia 12 de abril, o primeiro período de inscrições com desconto para o XV Simpósio Goiano de Avicultura. Até esta data, os interessados podem se inscrever no site da Associação Goiana de Avicultura (AGA), através do link https://agagoias.com.br/programacao-xv-simposio-goiano-de-avicultura/, pelo valor de R$ 300 para estudantes, R$ 350 para associados da AGA e R$ 450 para profissionais.

Entre os dias 13 de abril e 31 de maio, os valores sobem para R$ 350 para estudantes, R$ 400 para sócios da AGA e R$ 550 para profissionais. A partir do dia 1º de junho só será possível se inscrever no local do evento com valores atualizados para R$ 450 para estudantes, R$ 500 para associados da AGA e R$ 650 para profissionais.

As vagas são limitadas por conta do protocolo sanitário e estão quase esgotadas, anuncia o presidente da Associação Goiana de Avicultura (AGA), Cláudio Almeida Faria. “Os interessados devem se antecipar porque já estamos próximo do limite de vagas”, salientou o executivo.

Um dos eventos mais tradicionais da avicultura brasileira, o Simpósio Goiano de Avicultura vai reunir presencialmente importantes especialistas do setor para debater desafios e oportunidades nos dias 9 e 10 de junho. Com público crescente a cada edição, seu sucesso é atribuído ao elevado nível dos debates e debatedores.

“Temos uma comissão científica engajada e comprometida em trazer os temas mais atuais e pertinentes para a produção avícola. Desta maneira, o evento tem conquistado o apoio de empresas e congressistas”, encerrou Faria.

Outras informações sobre o evento podem ser obtidas através da Associação Goiana de Avicultura, pelo Telefone/WhatsApp (62) 3203.3665 e (62) 98413.8377, através do site da associação (www.agagoias.com.br), ou mesmo através do e-mail inscricaosimposiogoiano@outlook.com.

Programação
A programação técnica do encontro vai começar, a partir das 9h do dia 9 de junho, com um Painel sobre Perspectivas de competitividade na avicultura com o representante da São Salvador Alimentos, Hugo Garrote, com o representante da Granja Faria, Ricardo Faria, e com o representante da DSM, Adolfo Fontes.

Na sequência, o representante do Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento), Bruno Pessamilho, vai apresentar “Atualidades do Plano Nacional de Sanidade Avícola”. Em seguida, o tema “Frango do Futuro” será debatido pela representante da Aviagen, Jane Grosso, e a “Transformação digital na avicultura” será destacada pela representante da Cargill, Ana Paula de Assis Maia.

A partir das 16h20, os “Aspectos sobre a modulação da microbiota intestinal de aves” serão discutidos pelo representante da DSM, Cristiano Bortoluzzi. Em seguida, o representante do Sebrae, Odair Paulo Lima dos Santos, vai debater o tema “Superação: Transforme crise em oportunidades”.

Na sexta-feira, dia 10 de junho, a programação será dividida em duas salas simultâneas. Uma para debater desafios e oportunidades da Postura Comercial e outra sobre Frango de Corte. A programação sobre postura será aberta, às 8h, com um debate sobre a “Importância dos dados zootécnicos sobre decisões econômicas”, com o representante da Hendrix, Diogo Ito. Logo depois, o representante da Agroceres Multimix, Leandro Corrêa, vai abordar “Ambiência em granjas de postura comercial”.

A partir das 10h20, as discussões seguem com o tema “Pontos-chave na cria e recria de poedeiras comerciais”, encabeçado pelo representante da Lohmann Breeders, Matheus Fraga. O Painel sobre avicultura de postura será encerrado com uma apresentação da representante da Hipra, Lívia Soares, sobre “Vacinas e vacinação em postura comercial: atualidades”.

Enquanto isso, na sala de Frango de Corte, os debates serão abertos às 8h pelo representante da Ceva, Luiz Sesti, que vai discutir “Biosseguridade em Frangos e Matrizes”. Na sequência, a pesquisadora da UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), Liris Kindlein, vai abordar as “Principais causas de pododermatite em frangos e prevenção”.

Às 10h20, o debate será “Estratégias para reduzir os custos das dietas” com o especialista Mundial em Nutrição da Cobb-Vantress, Vitor Hugo Brandalize. Logo depois, a representante da Fazenda Alta Conquista, Luciana Dalmagro, encerra a programação com o tema “Sustentabilidade na avicultura de corte”.

XV Simpósio Goiano de Avicultura
Em sua 15ª edição, o evento é realizado pela Associação Goiana de Avicultura (AGA) em parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG) e vai reunir representantes de todos os elos das cadeias produtivas da avicultura de corte e postura comercial.

Serviço:
XV Simpósio Goiano de Avicultura
Data: 9 e 10 de junho de 2022
Local: Castros Park Hotel, Goiânia, GO
Endereço: Avenida República do Líbano, 1520, St. Oeste
E-mail: simposiogoiano@outlook.com
Telefone/WhatsApp: (62) 3203. 3665

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Notícias Relacionadas

Revista AviSite

NOSSOS PARCEIROS

Notícias Relacionadas

Últimas Notícias

Últimas Notícias

Busca por palavra chave ou data

Selecione a Data

Busca por palavra chave ou data

POR DATA:
OvoSite
PecSite
SuiSite

Revista AviSite

CONFIRA OS DESTAQUES DA NOSSA ULTIMA EDIÇÃO

revista01

Avicultura de corte brasileira chegou a novos e inéditos resultados em 2021

Revista do AviSite faz um balanço do ano de 2021 trazendo os números de alojamento de matrizes de corte, produção de pintos de corte, produção, exportação e disponibilidade de carne de frango e disponibilidade per capita aparente de carne de frango. Página 22.

revista02

Influenza Aviária: os reais perigos dos novos surtos de H5N1

Com o crescimento de casos da cepa H5N1 em todo o mundo, aumenta a preocupação em manter o Brasil livre da enfermidade. Portanto, especialistas alertam para a necessidade de manutenção dos programas de biosseguridade, avaliando potenciais fragilidades e mitigando riscos. Página 30.

revista03

Arroz é alternativa viável para reduzir custos de produção de suínos e aves

Estudos da Embrapa mostram que o arroz pode complementar ou substituir o milho na ração animal. Página 36.

Fotografias Noelly Castro

União Europeia sanciona lei que bane uso indiscriminado de antibióticos e estimula o bem-estar na criação animal

Brasil deve ser impactado em relação às vendas da avicultura. Expectativa é de efeito positivo em outros países, inspirando a modernização de leis que visem à promoção de sistemas mais éticos e sustentáveis e a mitigação dos riscos de resistência antimicrobiana. Página 56.

revista04

Terceira geração de selênio: L-SeMet, OH-SeMet ou Zn-SeMet, quais são as diferenças?

Estudos sugerem que a forma de selênio ofertada na dieta determina sua eficiência e, dessa maneira, influencia o atendimento do requerimento nutricional dos animais. Página 42.

Melina Bonato

Conceitos de imunonutrição aplicados a avicultura

Este conceito é entendido e aplicado à nutrição animal há bastante tempo, já que os conhecimentos nas áreas de nutrição, sanidade, manejo e ambiência são bastante avançados; no entanto, apenas há alguns anos, o termo “imunonutrição” vem sendo usado efetivamente. Página 46.

frango (88)

Superdosagem de fitase proporciona bons resultados para combater miopatias em frangos de corte

A necessidade de resolver o problema associado à alta incidência de distúrbios metabólicos, como miopatias, tem atraído enorme atenção do setor. Página 48.

frango (45)

Impactos da ocorrência de Bronquite, Laringotraqueíte e Influenza Aviária na produção avícola brasileira

As infecções virais impactam as condições fisiológicas das aves, podendo provocar mortalidade e/ou morbidade, levando a alterações dos parâmetros produtivos. Página 50.