Produção

Pintos de corte: o menor volume do último quadriênio

Embora preliminares (aguarda-se, ainda, a divulgação do último levantamento do ano), os dados relativos à produção de pintos de corte de 2017 mostram que pelo quarto ano consecutivo o volume produzido permaneceu na faixa dos 17 milhões de cabeças diárias. Uma década atrás a situação era bem diferente. Tanto que, de 2003 para 2007, a produção aumentou quase um terço (+31,8%, ou seja, de 10,7 milhões de cabeças/dia para mais de 14,1 milhões de cabeças/dia). Na atualidade, essa expansão vem sendo bem mais lenta. Assim, tomando como base o volume acumulado entre dezembro de um ano e os 11 primeiros meses do ano seguinte, o maior incremento do período ocorreu entre 2013 e 2015, anos em que a produção passou de 16,765 milhões de cabeças/dia para 17,747 milhões de cabeças/dia. Mas isso correspondeu a uma expansão inferior a 6%. E foi seguida por duas reduções também consecutivas. O que faz com que o volume de 2017 esteja menos de 2% acima do que foi registrado em 2013. Em outras palavras, corresponde ao menor volume produzido nos últimos quatro anos.

(AviSite) (Redação)



Visite  www.avisite.com.br  - O Portal da Avicultura na Internet