Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
Informativo Diário
AviGuia
AviSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Terça-feira, 19/11/2019
Siga-nos:
Classificados Links Vídeos
CLIPPINGS
Suínos: resultados inexpressivos marcam mercado nesta quinta-feira

Categoria: Mercado

Campinas, SP, 08/11/2019 |


O mercado de suínos fechou com certo marasmo ontem, quinta-feira (07). As cotações do suíno vivo que vinham encerrando o dia desde segunda-feira (04), fecharam o dia 06 com resultados divergentes nas principais praças produtoras, segundo dados do Cepea.

Em Minas Gerais não houve variação, e o preço do quilo do suíno vivo ficou em R$ 5,39. Paraná e Santa Catarina tiveram resultados negativos, -0,20% e -0,21%, encerrando em R$ 5,01 e R$ 4,86, respectivamente. Cotação positiva para este setor foi para o Rio Grande do Sul, alta de 0,64% e preço de R$ 4,71 o quilo, e para São paulo, R$ 5,34 o quilo, 0,19% a mais que o dia anterior.

De acordo com a Scot Consultoria, os valores da arroba do suíno CIF e do suíno carcaça especial não tiveram variação no fechamento desta quinta-feira (07). A arroba do suíno CIF ficou entre R$ 99,00 e R$ 101,00, enquanto o suíno carcaça especial permaneceu em R$ 7,90 / R$ 8,10

Exportações

De acordo com a diária de mercado divulgada nesta quinta-feira (07) pelo Cepea, as exportações brasileiras de carne suína aumentaram expressivamente em outubro, atingindo o terceiro maior volume da série história da Secex, iniciada em 1997.

A receita em Real, por sua vez, foi recorde. De acordo com a Secretaria, foram embarcadas 67,3 mil toneladas de produtos suínos, gerando receita de R$ 607,63 milhões. O volume embarcado em outubro foi 17,8% maior que o de setembro e esteve 8,6% acima do de outubro/18.

Para o faturamento em moeda nacional, os incrementos foram de 19,4% e de 51%, respectivamente (Secex). O recorde na receita esteve atrelado ao preço pago pela tonelada em dólar e também pelo elevado patamar do câmbio. Em outubro, as exportações totais suínas tiveram preço médio de US$ 2,21/kg, o maior de 2019 e 28% acima da média de outubro/18. Já o dólar teve média de R$ 4,08 no mês, leve queda de 0,9% frente a setembro, mas ainda um dos maiores patamares deste ano e 8,6% acima do observado em outubro/18.



Fonte: Notícias Agrícolas
Autor: Letícia Guimarães



Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!




ÚLTIMOS CLIPPINGS













CLIPPINGS MAIS LIDOS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: