Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
AviGuia
AviSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Domingo, 15/12/2019
Siga-nos:
Classificados Links Vídeos
CLIPPINGS
Bastos é disparado o principal produtor de ovos paulista: são 5 bilhões por ano

Categoria: Produção

São Paulo, SP, 22/07/2019 |

São Paulo é o maior produtor de ovos do Brasil e Bastos o maior produtor do Estado

Segundo a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em 2018, o Brasil exportou 11,6 mil toneladas ovos para todos os continentes do mundo, no valor de US$ 17,1 milhões. São Paulo é o maior produtor de ovos do Brasil, tem 30,9% da produção brasileira, que pode alimentar mais de 60 milhões de pessoas por ano, levando em conta que o consumo per capto de ovos no País é de 212 ovos por ano.

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo (SAA) informa que a região de Tupã é a maior produtora de ovos no Estado com 55% da produção, em 2018. O município de Bastos é o maior produtor de ovos no Estado, representando 36% do total paulista. O Valor da Produção Agropecuária (VPA) de ovos de galinha é de 60,8% do VPA, da Regional de Tupã.

No Estado foram produzidas 41 milhões de caixas de 30 dúzias de ovos no ano de 2018, e só no município de Bastos foram produzidas 14,6 milhões de caixas de 30 dúzias de ovos em 2018 (ao redor de 5 bilhões de unidades). Além de que são produzidas por dia 60 mil caixas de 30 dúzias (21.6 milhões de unidades) sendo comercializado pelo preço médio de R$68,99/cx.30dz.

Segundo o levantamento de Valor da Produção Agropecuária (VPA), do Instituto de Economia Agrícola (IEA), a avicultura de postura no EDR de Tupã rendeu R$1,5 bilhões naquele ano e no Estado foi de R$2,8 bilhões.

O município tem um plantel de 32 milhões de cabeças, sendo que 25 milhões de galinhas estão produzindo e 6 milhões são jovens. A alimentação delas é composta por 81 mil toneladas de ração por mês, 51 mil toneladas de milho por mês e 18 mil toneladas de farelo de soja mensais. A produção de ovos “in natura”, líquidos, congelados, em pó e de aves de descarte em Bastos gera 4 mil empregos diretos e 8 mil indiretos na avicultura.

O engenheiro agrônomo Eduardo Takaki, da Regional da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS) em Tupã, comenta que além de Bastos outros municípios da regional produzem ovos. "Em Bastos e municípios arredores existem fábricas de equipamentos avícolas, fábricas de manutenção de equipamentos, agroindústrias e prestadores de serviços diversos para avicultura."

A CDRS atua na orientação e recebimento da DCAA (Declaração de Conformidade da Atividade Agropecuária), documento necessário para regularização ambiental e pré-requisito para financiamentos. Por meio do Escritório de Desenvolvimento Rural (EDR) de Tupã já foram emitidas 65 DCAA’s.

Garantia da sanidade das aves

O Centro Avançado de Pesquisa Tecnológica do Agronegócio Avícola (Captaa) do Instituto Biológico, em Descalvado, é o responsável pela garantia de sanidade das aves, primordial porque, como líder do ranking mundial de exportação de carne de frango há 10 anos, o Brasil não pode correr o risco de registrar casos de Influenza Aviária. O espaço realiza ainda diagnóstico de laringotraqueíte, reovírus, salmonela, pneumovírus, bronquite infecciosa e doença de Newcastle.

No Laboratório de Saúde das Aves, especialistas do governo paulista realizam os testes que garantem a ausência do vírus H5N1 nas granjas do Estado por meio de amostras de sangue levadas até lá pela Coordenadoria de Defesa Agropecuária (CDA) da Secretaria. Ela é a única que pode solicitar esse tipo de teste e a encarregada de notificar o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em casos positivos.

A CDA é a responsável também por orientar os avicultores sobre como impedir a entrada do vírus em seus planteis. São ações como maior atenção à limpeza de calçados antes de entrar na granja, principalmente para pessoas que estavam viajando para os Estados Unidos.



Fonte: Secr. de Agr. e Abastecimento do Estado de SP
Autor: Assessoria de Imprensa



Deixe aqui sua opinião, insira seus comentários.
O espaço também é seu!




ÚLTIMOS CLIPPINGS













CLIPPINGS MAIS LIDOS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: