Revista do AviSite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
Informativo Diário
Info Estatísticas
AviGuia
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Terça-feira, 29/09/2020
Siga-nos:
Notícias Clippings Informativo Semanal Informativo Diário Info Estatísticas
CLIPPINGS
Impactos da covid-19 sobre população ocupada na agropecuária se estabilizam em junho

Categoria: Agronegócios

Piracicaba, SP, 07/08/2020 |


O forte impacto da covid-19 sobre o número de ocupados na agropecuária no trimestre móvel encerrado em maio se estabilizou no trimestre finalizado em junho, segundo cálculos do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, realizados com base em dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua, do IBGE. Isso significa que o cenário em termos de número de empregos/ocupações na agropecuária não se agravou em junho, mas também não melhorou.

No período (abril-maio-junho), 7,976 milhões de pessoas estavam ocupadas na agropecuária, ainda se mantendo aquém do limite inferior do que pode ser considerado normal, conforme modelo do Cepea. Frente ao trimestre móvel imediatamente anterior, a população ocupada se manteve estável (-0,21%), mas, em relação ao mesmo trimestre móvel de 2019, houve queda de 7,85%, equivalente a 679 mil pessoas.

OUTROS SETORES – Para referência, considerando-se o cenário geral do País, no trimestre móvel encerrado em junho, 83,3 milhões de pessoas estavam ocupadas no Brasil, quedas de 3% frente ao trimestre móvel encerrado em maio e de 10,7% frente ao mesmo trimestre móvel de 2019. Assim, pesquisadores do Cepea ponderam que, embora o cenário tenha aparentemente parado de se agravar para a agropecuária em junho, esse não parece ser o caso para alguns outros setores econômicos. Na comparação entre os trimestres móveis subsequentes, a situação parece ter se agravado sobretudo para os setores de Alojamento e alimentação, Serviços domésticos, Outros serviços e Transporte, Armazenagem e Correio. Pela ótica das posições na ocupação e nas categorias de emprego, houve piora na situação de junho, principalmente para os empregados do setor privado e trabalhadores domésticos sem carteira assinada e para empregadores sem CNPJ.



Fonte: CEPEA
Autor: Redação





COMENTÁRIOS






ÚLTIMOS CLIPPINGS













CLIPPINGS MAIS LIDOS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Clique acima para acessar o leitor digital ou abaixo para Download do PDF