Revista do AviSite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
AviGuia
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quinta-feira, 02/04/2020
Siga-nos:
Notícias Clippings
CLIPPINGS
SSA, dona da marca SuperFrango, eleva produção e vendas

Categoria: Empresas

São Paulo, 21/02/2020 |


Uma das maiores agroindústrias com sede em Goiás, a São Salvador Alimentos (SSA), dona da marca SuperFrango, está aproveitando o bom momento do mercado de carne de frango, carro-chefe de seus negócios, para ampliar vendas e investir na expansão da produção avícola.

Depois de crescer 35% em 2019 e ver seu faturamento alcançar R$ 1,7 bilhão, a empresa vai inaugurar no próximo dia 28, em Nova Veneza, a pouco menos de 30 quilômetros de Goiânia, sua segunda fábrica. Com o reforço de oferta em tempos de demanda aquecida no país e no exterior, espera que suas vendas alcancem o patamar de R$ 2 bilhões ao longo deste ano.

De acordo com José Garrote, presidente da SSA, foram investidos cerca de R$ 250 milhões nos últimos dois anos na construção da unidade, que inicialmente terá capacidade para abater 160 mil aves por dia. Até 2021, afirma, outros R$ 255 milhões serão aplicados para duplicar a volume.

No município de Nova Veneza, localizado a cerca de 70 quilômetros de Itaberaí, onde está a matriz da SSA, a agroindústria empregará cerca de 700 pessoas. A companhia tem 7,5 mil funcionários atualmente. No complexo de Itaberaí, a SSA conta com unidades de recria e produção de ovos férteis, incubatório, armazém de grãos, fábrica de rações, aviários e uma unidade que abate cerca de 360 mil aves diariamente.

“Iniciamos o investimento num momento ainda difícil da economia, mas percebemos sinais de mudança no país e agora vamos colher os frutos”, afirma Garrote. O empresário entrou no ramo em 1981 pelas mãos do sogro, Carlos Vieira, que havia começado a construir aviários de frango de corte em Itaberaí em 1973. A parceria resultou no Abatedouro São Salvador, que foi inaugurado em 1991.

Embora o mercado doméstico esteja melhorando, o novo avanço previsto para 2020 também tende a ser impulsionado pelas exportações. No ano passado, as vendas internacionais da SSA alcançaram R$ 529,2 milhões, um aumento de 66% ante 2018.

Em volume, os embarques cresceram 37,4%, para quase 60 mil toneladas. A SSA exporta seus cortes de frango para 65 países. No ano passado, iniciou vendas para a Rússia, México, Escócia e Coreia do Sul. E, desde 2015, envia seus produtos para a China, que tem ampliado as importações de proteínas em geral em meio à epidemia de peste suína africana que reduziu seu plantel de porcos.

“Com o problema na China, o mercado externo melhorou muito. A demanda tende a continuar firme em 2020, mas temos que ver como se comportarão os preços médios das exportações depois das altas de 2019”, diz Garrote.

No mercado doméstico, a SSA concentra as vendas em Goiás, Distrito Federal, Minas Gerais, Tocantins, Pará e em regiões dos Estados de São Paulo, Mato Grosso do Sul e Bahia. De acordo com Garrote, não há intenção de ampliar esse foco no momento.

Além da linha SuperFrango, a SSA conta no país com a marca Boua, que inclui produtos de maior valor agregado como requeijão, muçarela, presunto, linguiça, filé de tilápia e vegetais congelados, entre outros.



Fonte: Valor Econômico
Autor: Fernando Lopes



COMENTÁRIOS






ÚLTIMOS CLIPPINGS













CLIPPINGS MAIS LIDOS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: