Revista do AviSite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Informativo Semanal
Informativo Diário
Info Estatísticas
Canal Agroceres
PecSite
SuiSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Canal Agroceres
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Sexta-feira, 07/05/2021
Siga-nos:
Notícias Informativo Semanal Informativo Diário Info Estatísticas Canal Agroceres
NOTÍCIAS
Desempenho do frango (vivo e abatido) na 17ª semana de 2021, quinta de abril




Campinas, 03/05/2021


Embora lamentável (frente às dificuldades que envolvem grande parte dos consumidores do País), não há como deixar de comemorar o bom desempenho do frango – vivo e abatido – no fechamento de abril. Porque ambos conseguiram minimizar (ainda que ligeiramente) a pressão de custos que há tempos vem sendo exercida sobre o setor e que está obrigando muitos produtores a reduzirem o volume produzido ou, mesmo, a deixar o mercado.

Inusitado para o período (última semana do mês), o desempenho do frango abatido surpreendeu, pois alcançou – ao menos nominalmente* – o melhor nível de todos os tempos. Embora com a cotação estável na maior parte da semana, fechou abril negociado por, em média, R$6,25/kg, valor quase 18% superior ao alcançado um mês antes, no fechamento de março de 2020.

Na média de abril, o valor registrado correspondeu a uma valorização mensal de quase 7% e anual de, praticamente, 64%. Mas, neste caso – nunca é demais repetir – o alto índice foi determinado, muito mais, pelos baixos preços registrados um ano atrás, ocasião em que o País implantou o primeiro isolamento social para enfrentar a pandemia.

Os recordes se estendem, igualmente, ao frango vivo. O comercializado no interior paulista atingiu a marca, sem dúvida representativa, dos R$5,00/kg. E, resultado que ainda não está consignado no gráfico abaixo – fechou os primeiros abates de maio corrente (carregamentos da madrugada desta segunda-feira, 3) por R$5,10/kg.

Embora tenha encerrado o período com uma variação de quase 6,5% sobre o valor vigente no último dia de março, na média de abril o frango vivo obteve valorização mensal de apenas 2,32%. Porque todos os incrementos de preço obtidos ocorreram nas duas últimas semanas do mês.

Já a variação de preço anual – 63,71% – é similar à do frango abatido (diferença de apenas 0,15 ponto percentual a menos). Mas tão elevado índice não tem o menor significado, conforme razões expostas acima para o frango abatido.

- X -

* Em valores deflacionados (IPCA/IBGE), o preço médio alcançado em abril passado pelo frango abatido ainda ficou aquém dos R$5,75/kg de novembro de 2020 e dos R$3,80/kg (hoje equivalentes a mais de R$6,00/kg) de dezembro de 2012.





Acompanhe as Edições de Março: Revista do AviSite e Revista do Ovo
      


Fonte: AviSite
Autor: Redação






COMENTÁRIOS



NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS



















NOTÍCIAS MAIS LIDAS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Clique acima para acessar o leitor digital ou abaixo para Download do PDF