Revista do AviSite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Informativo Semanal
Informativo Diário
Info Estatísticas
AviGuia
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Sábado, 05/12/2020
Siga-nos:
Notícias Informativo Semanal Informativo Diário Info Estatísticas
NOTÍCIAS
Volume exportado de carne bovina in natura pode crescer 8% em outubro




Campinas, SP, 20/10/2020


A Secretaria de Comércio Exterior do Ministério da Indústria, Comércio e Serviços (SECEX) divulgou que o volume embarcado de carne bovina alcançou 90,4 mil toneladas até a terceira semana de outubro, sendo que no ano passado o total exportado em todo mês de outubro foi de 170,55 mil toneladas.

De acordo com o analista da Safras & Mercados, Fernando Henrique Iglesias, o volume exportado em outubro pode ficar de 5% a 8% acima do que foi embarcado no ano passado. “Se o ritmo da média diária se manter acima das 8 mil toneladas podemos ter recorde no volume exportado”, afirmou.

A média diária embarcada até a terceira semana ficou em 8,22 mil toneladas e teve um aumento de 6,04% se comparado com os dados observados em outubro do ano passado, que registrou uma média exportada de 7,75 mil toneladas. A média diária exportada registrou um recuo de 4,20% frente aos números divulgados na semana anterior, em que a média ficou em 8,58 mil toneladas.

A consultoria Agrifattto estima que as exportações em outubro podem atingir em torno de 160 a 175 mil toneladas com as compras chinesas aquecidas. Já a Radar Investimentos destaca que o ritmo das exportações de carne bovina brasileira tem potencial para ultrapassar o resultado de outubro do ano passado e recuperar o desempenho visto em set/20.

Os preços médios na terceira semana de outubro ficaram próximos de US$ 4.216,6 mil por tonelada, na qual teve uma queda de 5,61% frente aos dados divulgados em outubro de 2019 que registrou um valor médio de US$ 4.467,2 mil por tonelada. “O preço médio tem registrado quedas nos últimos meses em função da variação cambial, mas está de acordo com que o mercado espera”, informou.

O valor negociado para o produto foi US$ 381,286 milhões na terceira semana de outubro deste ano, tendo em vista que o preço comercializado durante o mês de outubro do ano anterior foi de US$ 761,884 milhões. A média diária ficou em US$ 34,662,0 milhões e registrou um avanço de 0,09%, frente ao observado no mês de outubro do ano passado, que registrou um valor de US$ 34,631,1 milhões.


Fonte: Notícias Agrícolas
Autor: Andressa Simão






COMENTÁRIOS



NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS



















NOTÍCIAS MAIS LIDAS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Clique acima para acessar o leitor digital ou abaixo para Download do PDF