Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
Informativo Diário
AviGuia
AviSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Publicidades
Patrocinadores
Quarta-feira, 21/08/2019
Siga-nos:
Notícias Clippings Informativo Semanal Informativo Diário
NOTÍCIAS
Desempenho externo das carnes nas duas primeiras semanas de julho de 2019




Campinas, 16/07/2019 | 08:01

Fonte: AviSite | Autor: Redação

Comparativamente à semana inicial do mês, as exportações de carnes da segunda semana de julho sofreram forte retrocesso, visto que a receita cambial obtida pelo setor recuou 17% de uma semana para outra (pela média diária, US$67,418 milhões na primeira semana e apenas US$55.893 milhões na semana seguinte).

Nada impede, entretanto, que essa cifra tenha sido maior. Porque, aparentemente, a SECEX/ME deixou de computar os dados de um dia da última semana (os da sexta-feira, 12?), visto que nos resultados das exportações acumuladas em julho especifica, até a segunda semana do mês, “9 dias úteis”.

Independente disso, porém, os volumes diários especificados sinalizam bons resultados nos embarques do mês. Ou, especificando:

- Carne suína: 67.413 toneladas, 21,12% e 18,15% a mais que em junho passado e em julho de 2018 (respectivamente, 55,7 e 57,1 mil/t);

- Carne bovina: 125.275 toneladas, volume 12,34% superior às 111,5 mil toneladas de junho último, mas 4,29% inferior às 130,9 mil toneladas de um ano atrás;

- Carne de frango: 372.161 toneladas, 4,03% a mais que as 357,7 mil toneladas de junho passado. Porém, queda de 15,14% em relação ao que foi exportado em julho de 2018 – 438,6 mil toneladas de carne de frango in natura.

Notar, neste último caso, que a queda prevista leva em conta os resultados oficiais. Na prática, porém, é sabido que os números de julho do ano passado foram inflados por embarques não computados no mês anterior. Tanto que o volume apontado para o mês – perto de 440 mil toneladas só de produto in natura – representou um recorde difícil de ser atingido em momento extremamente desafiante para as exportações de carne de frango. Ou seja: a redução ora prevista, se permanecer, será apenas aparente. Porque o panorama atual é bem melhor que o de um ano atrás.




A Revista do AviSite e a Revista do Ovo já estão disponíveis! É só acessar!


          







NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS












NOTÍCIAS MAIS LIDAS
5 dias
30 dias
NOSSOS PARCEIROS
REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: