Revista do AviSite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
Informativo Semanal
Informativo Diário
Informativo Estatísticas
AviGuia
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Legislação
Busca Avançada
Cadastre-se
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quinta-feira, 16/07/2020
Siga-nos:
Trabalhos Técnicos
-->
CIÊNCIA & TECNOLOGIA - Trabalhos Técnicos

Nutrição

Influência da Conservação e do Período de Armazenamento Sobre a Qualidade Interna e da Casca de Ovos Comerciais

F.B. Carvalho J.H. Stringhini R.M. Jardim Filho N.S.M. Leandro J.T. Pádua H.A.S.B. Deus INTRODUÇÃO Os ovos são considerados um dos mais completos alimentos para o homem, por fornecer elementos essenciais à saúde, como proteína, vitaminas e minerais (3). Contudo, todo esse potencial nutritivo precisa ser preservado até o momento do consumo. Vários dias ou semanas podem transcorrer desde a hora em que o ovo é posto pela ave até o momento da sua ingestão pelo consumidor. Os efeitos de temperatura e armazenagem na qualidade interna dos ovos podem ser avaliados pela altura do albume e unidade Haugh, índices que diminuem com o período de armazenamento, em proporção determinada pela temperatura (1). O objetivo do trabalho foi avaliar os efeitos da conservação e do período de armazenamento sobre a qualidade do ovo de poedeiras comerciais de diferentes idades e linhagens. MATERIAL E MÉTODOS O experimento foi realizado no Departamento de Produção Animal da EV/UFG (Goiânia), de 27/6 a 12/7/2002. Foram utilizados 432 ovos de quatro linhagens (Babcock B 300, Hy Line W-36, Lohman White e Hisex) de três idades (29, 60 e 69 semanas), oriundos da mesma granja. Os ovos da manhã foram colhidos e identificados num total de 108 ovos de cada linhagem. Do total, 48 foram analisados duas horas após a coleta, sendo este o tratamento controle, e o restante armazenado durante 16 dias em temperatura ambiente ou refrigerado. O delineamento utilizado foi o inteiramente causalizado em um esquema fatorial 4x3x2 (linhagem x idade x conservação) Os ovos foram conservados refrigerados (a 5°C e 57%UR) ou no ambiente (25°C e 60%UR). Foram medidos o peso do ovo (PO), altura de albume (AA), gravidade específica (GE) e unidade Haugh (UH) no 1º, 5º, 9º, 13º e 16º dias. Após análise de variância pelo programa SAS (4), compararam-se as médias pelo teste de Tukey (5%). RESULTADOS E DISCUSSÃO A conservação (Tabela 1) não influenciou o peso do ovo, mas a altura de albume, a gravidade específica e a unidade Haugh apresentaram pior resultado (p<0,05) para os ovos mantidos em temperatura ambiente (5). O período de armazenamento (Tabela 2) influenciou negativamente (p<0,05) o peso do ovo a partir do 13° dia, para a altura de albume, a gravidade específica e a unidade Haugh e ocorreu uma diminuição (p<0,05) (2). Ocorreu interação (Tabela 3) entre armazenagem e conservação para as variáveis de altura de albume, gravidade específica e unidade Haugh, sendo observado uma queda mais brusca para os ovos armazenados em temperatura ambiente. Observa-se que os ovos com cinco dias de armazenamento em temperatura ambiente, para todas as variáveis analisadas, obtiveram resultados semelhantes aos ovos armazenados por 16 dias sob refrigeração (3). CONCLUSÕES Os resultados obtidos neste trabalho permitem concluir que os ovos devem ser mantidos sob refrigeração a fim de manter sua qualidade interna por mais tempo. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS HILL AT, HALL JW. Poultry Science, 59:2237-2242, 1980. JAY M, TANDRON E, RAMOS M. Revista de Salud animal, 1992. MURAKAMI AE, BARRIVIERA VA, Scapinello et al. Revista Unimar, 16:13-25, 1994. SAS Institute INC. SAS/STAT Guide for personal computers: version 8. 1999. SELEIM MA, EL PRINCE E. Journal of Agricultural Sciences, 31(4):1-15, 2000.


Nutrição









































Ir para a página:  1   2   Próxima >>

CATEGORIAS

Administração, Economia, Planejamento e Política Avícola (10)

Ambiência (27)

Equipamentos (3)

Estrutiocultura (2)

Genética (1)

Incubação (9)

Manejo (31)

Meio Ambiente (1)

Nutrição (67)

Outras Áreas (31)

Produção (18)

Saúde (3)

Saúde Avicola (68)

Saúde Pública (1)

REVISTA ONLINE