Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
AviGuia
AviSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quinta-feira, 12/12/2019
Siga-nos:
Trabalhos Técnicos
-->
CIÊNCIA & TECNOLOGIA - Trabalhos Técnicos

Produção

Avaliação de programa de muda induzida através de parâmetros comportamentais e fisiológicos

Autores: Helenice Mazzuco1, Valdir Silveira de Avila1, Arlei Coldebella1, Jonas Irineo Santos Filho1, Victor Fernando Buttow Row2 Filiações: 1Pesquisadores Embrapa Suínos e Aves; 2Professor Adjunto-Universidade Federal de Pelotas-UFPel Breve introdução e objetivos do estudo: Em função do grande interesse por parte de mercados globalizados em áreas como bem-estar e práticas de manejo adotadas na produção de ovos comerciais, a avaliação de protocolos alternativos ao procedimento convencional para indução de muda em poedeiras comerciais tem sido alvo de muitas pesquisas e discussões nos últimos anos. Os métodos de muda comercialmente adotados consideram a restrição ou jejum alimentar por determinado período, o que tem gerado controvérsias com relação ao bem-estar das aves. Práticas de muda induzida consideradas menos agressivas sob o ponto de vista do bem-estar animal devem ser exploradas objetivando-se uma regressão ovariana adequada para o descanso do aparelho reprodutor e posterior retorno à postura no segundo ciclo acompanhando-se alguns índices fisiológicos que caracterizem o impacto dessas novas estratégias nutricionais na indução de muda em poedeiras comerciais. Respostas fisiológicas ao estresse causado por jejum alimentar como o que ocorre durante a muda podem ser obtidas através do monitoramento de parâmetros ósseos, sanguíneos e comportamentais durante as fases que antecedem o processo da muda, durante e após a mesma e assim caracterizar o melhor protocolo de muda quanto ao bem-estar das aves. Numa antecipação às necessidades de mercado objetivou-se com o projeto, a seleção de um método de indução de muda que atendesse aos parâmetros indicativos de bem-estar animal e fosse plenamente exequível ao produtor. A capacitação da equipe e a estrutura física e de apoio para desenvolver e conduzir estudos longitudinais com poedeiras comerciais reafirma como estratégica, a participação da Embrapa Suínos e Aves em decisões técnicas que impactam diretamente o setor produtivo no Brasil. Para ver o trabalho clique aqui.


Produção


















CATEGORIAS

Administração, Economia, Planejamento e Política Avícola (10)

Ambiência (27)

Equipamentos (3)

Estrutiocultura (2)

Genética (1)

Incubação (9)

Manejo (31)

Meio Ambiente (1)

Nutrição (67)

Outras Áreas (31)

Produção (18)

Saúde (3)

Saúde Avicola (68)

REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: