Revista do Avisite
Revista do Ovo
Encartes Especiais
Notícias
Clippings
AviGuia
AviSite
OvoSite
Trabalhos Técnicos
Agenda
Cobertura
Legislação
Banco de Currículos
Relatórios
Busca Avançada
Contato
Anuncie
Patrocinadores
Quinta-feira, 12/12/2019
Siga-nos:
Trabalhos Técnicos
-->
CIÊNCIA & TECNOLOGIA - Trabalhos Técnicos

Outras Áreas

Rastreabilidade da farinha de carne e ossos bovina nos ovos de poedeiras comerciais pela técnica dos isótopos do carbono (δ13C) e nitrogênio (δ 15N)

Fevereiro de 2008 Juliana Denadai - Doutoranda do Centro de Isótopos Estáveis Ambientais da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da Unesp Resumo O estudo objetivou rastrear a inclusão de farinha de carne e ossos bovina (FCOB) em dietas de poedeiras comerciais, por meio da análise dos ovos e suas frações (gema e albúmen), pela técnica dos isótopos do carbono (δ13C) e nitrogênio (δ15N), assim como avaliar o índice analítico detectável. Foram utilizadas 240 galinhas poedeiras da linhagem Shaver White com 73 semanas de idade, distribuídas aleatoriamente em cinco tratamentos, sendo uma dieta controle à base de milho e soja e os demais tratamentos, inclusões crescentes de farinha de carne e ossos bovina. Antes do período experimental as aves recebiam dieta sem a adição de farinha de origem animal, após o início do experimento passaram a receber as dietas experimentais, a fim de substituir os carbonos e os nitrogênios dos tecidos envolvidos na produção dos ovos pelos da nova dieta. Para análise da razão isotópica (13C/12C e 15N/14N), expressa em delta per mil (‰), no 35º dia foram tomados aleatoriamente 24 ovos por tratamento (quatro por repetição), dos quais 12 ovos (dois por repetição) serviram para colheitas de amostras de gema e albúmen e os outros 12 (dois por repetição) para ovo total. Pode-se concluir que, nas condições experimentais, a técnica dos isótopos estáveis é capaz de rastrear a inclusão de FCOB na alimentação de poedeiras, além disso, o nível mínimo de inclusão de FCOB detectável é de 1,5% para o albúmen e um valor entre 1,5 e 3,0% para ovo e gema. Palavras-chave: aves, carbono-13, certificação, ingrediente de origem animal, nitrogênio-15 Para ver o trabalho completo clique aqui


Outras Áreas































CATEGORIAS

Administração, Economia, Planejamento e Política Avícola (10)

Ambiência (27)

Equipamentos (3)

Estrutiocultura (2)

Genética (1)

Incubação (9)

Manejo (31)

Meio Ambiente (1)

Nutrição (67)

Outras Áreas (31)

Produção (18)

Saúde (3)

Saúde Avicola (68)

REVISTA ONLINE

Receba as melhores informações sobre avicultura por e-mail.
Nome:
E-mail: