Mercado

Excedentes no mercado de ovos fragilizam os negócios e preços caem

Ontem, quarta, os produtores de ovos brancos e vermelhos sofreram novas perdas nos negócios realizados no mercado paulista. Nos ovos brancos, a queda – 2ª da semana e do mês, 15ª do ano – derrubou o preço médio diário da caixa para R$93,00, mesmo preço praticado há duas semanas e que representa 2,2% de aumento sobre o praticado na abertura do mês. De toda forma, já é inferior ao alcançado 30 dias atrás. Nos ovos vermelhos a queda foi um pouco maior e a diferença em relação aos ovos brancos passou a ser de R$12,00 até R$15,00 a mais por caixa, ou seja, passaram a ser comercializados por preços que variaram de R$104,00 a R$109,00 a caixa. Mesmo assim, a evolução sobre o praticado no início de março ainda é um pouco superior à do ovo branco, 2,9%. Entretanto, em comparação com o preço praticado há 30 dias já é 4,5% inferior. Pelas indicações da Jox Assessoria Agropecuária existem excedentes em todos os elos que compõem a cadeia de negociação. Assim, é certo que o mercado seguirá fragilizado e com pressão sobre os preços. O que pode ser considerado normal para o período do mês. Nesse sentido, a manutenção das atuais cotações já será um grande alivio para o setor de postura comercial.

(AviSite) (Redação)



Visite  www.avisite.com.br  - O Portal da Avicultura na Internet